Connect with us

Esportes

Com dois a menos, Cruzeiro empata com Tombense e mantém vantagem na semi do Mineiro

Published

on

O Cruzeiro empatou com o Tombense por 0 a 0 no jogo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, neste domingo (10), no estádio Ipatingão, em Ipatinga.

O time de Nicolás Larcamón jogou com dois jogadores a menos, já que Zé Ivaldo foi expulso no primeiro tempo, e o lateral-esquerdo Marlon no fim da segunda etapa.

Apesar do resultado, o Cruzeiro mantém a vantagem do empate no próximo jogo para garantir vaga na final do Mineiro. Isso, por ter terminado a primeira fase com a melhor campanha geral.

A Federação Mineira de Futebol ainda vai divulgar data e horário da partida de volta entre Cruzeiro e Tombense. O duelo será disputado no próximo fim de semana, no dia 16 ou 17 de março, no Mineirão.

Festa enorme da torcida

A presença do Cruzeiro movimentou o Vale do Aço mineiro. Torcedores das cidades vizinhas a Ipatinga, como Timóteo, Coronel Fabriciano, dentre outras, marcaram presença no estádio Ipatingão.

O palco do jogo recebeu um público muito bom na noite deste domingo. O cruzeirense que conseguiu comprar ingressos e compareceu ao Ipatingão fez festa, apesar do empate do Cruzeiro.

Durante toda a semana a movimentação pela busca de ingressos nos postos de venda foi intensa. A cidade viveu um clima que há muito tempo não vivia. A última vez do Cruzeiro em Ipatinga havia sido em 2018.

Primeiro tempo

O Cruzeiro começou o jogo mostrando superioridade em relação ao Tombense. O time de Nicolás Larcamón pressionava o adversário e empilhava chances perdidas no ataque.

A primeira chance foi com o zagueiro João Marcelo, logo no minuto inicial do jogo. O jogador subiu alto após cobrança de escanteio e obrigou o goleiro Felipe Garcia a se esticar para fazer a defesa.

Advertisement

Depois foi o Tombense que respondeu, aos 12 minutos, em cobrança de falta com Pedro Costa. O jogador chutou para fora.

Aos 21 minutos, Matheus Pereira levou muitíssimo perigo com uma cobrança venenosa de escanteio. O camisa 10 celeste quase fez um gol olímpico, impedido pelo goleiro Felipe Garcia.

O Tombense ainda perdeu outras chances no fim do primeiro tempo, quando a equipe cresceu de produção por ficar com um a mais em campo.

Zé Ivaldo leva mais cartões

Zé Ivaldo começou o jogo contra o Tombense com cinco cartões amarelos acumulados nesta temporada. O jogador, expulso aos 33 minutos por falta forte em cima de Kaio Mendes, antes havia recebido o amarelo, 22 minutos antes.

Com essas duas advertências, Zé Ivaldo chegou ao sétimo cartão em oito jogos na temporada.

Advertisement

Segundo tempo

Com um a menos, o técnico Nicolás Larcamón precisou mudar a forma do Cruzeiro jogar. Tudo para evitar que o adversário ganhasse ainda mais espaço em campo.

Dessa maneira, o Cruzeiro perdeu ímpeto ofensivo, estratégia para se preservar. O Tombense teve duas boas chances, aos 16 e aos 21 minutos, ambas com perigo.

Sem se lançar muito ao ataque, o Cruzeiro “segurou bem o adversário”. Com isso, o jogo ficou ‘muito estudo’ entre as equipes, sem tantas emoções.

Cronologia do jogo

Aos 33 minutos do primeiro tempo, Zé Ivaldo deu o ‘bote errado’ e acertou um pisão no meio-campista Kaio Mendes, do Tombense. Com o auxílio do Árbitro de Vídeo, o juiz Paulo Cesar Zanovelli mostrou o cartão vermelho para o zagueiro cruzeirense.

Aos 39 minutos do segundo tempo, o lateral-esquerdo Marlon foi expulso após reclamar acintosamente com o árbitro Paulo César Zanovelli.

Advertisement

Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

Este conteúdo foi originalmente publicado em Com dois a menos, Cruzeiro empata com Tombense e mantém vantagem na semi do Mineiro no site CNN Brasil.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *