TSE registra 1.695 trocas de urnas e 51 prisões até 17h em eleições no País

As eleições terminaram às 17 horas na maior parte do Brasil com 1.695 urnas substituídas, o que representa 0,33 por cento do total de equipamentos instalados país afora, e com 51 casos de prisões, mostraram dados divulgados neste domingo pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em apenas uma seção, no município de Três Coroas (RS), foi necessário realizar votação manual. De acordo com o TSE, no pleito deste ano foram utilizadas quase 454,5 mil urnas.

Entre as ocorrências, o Tribunal informou que o total de prisões de não candidatos somou 49, puxadas por Alagoas (12) e Mato Grosso do Sul (11).

Já as ocorrências envolvendo candidatos terminaram com duas prisões, sendo uma em São Paulo e outra no Rio Grande do Sul.

O TSE relatou que, no total, foram registradas 183 ocorrências, considerando-se casos envolvendo candidatos e não candidatos e com ou sem prisão.

No Acre

No Acre, segundo o boletim divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral, até as 15 horas 26 urnas eletrônicas haviam sido substituídas.

Com informações da Agência Reuters e do TRE/AC