Expoacre: Organizadores divulgam estratégias adotadas

Durante coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira, 19, a cúpula da segurança pública estadual divulgou como funcionará o esquema de segurança durante a Expoacre, maior feira de negócios do estado, entre 1º e 5 de agosto.

De acordo com o secretário de Estado de Segurança Pública, Vanderlei Thomas, as policias Militar e Civil, o Corpo de Bombeiros e o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), entre outros órgãos, reforçarão suas equipes para estar presentes em todos os dias da exposição e também durante a Cavalgada, além de permanecer com o atendimento normal nos bairros de Rio Branco.

“A segurança pública vai garantir a segurança da população durante a Expoacre e a Cavalgada. Nós estaremos empregando efetivos especiais, adicionais que farão a segurança dos locais onde os eventos serão realizados sem se descuidar da segurança dos bairros e demais locais da cidade. Simultaneamente, enquanto estivermos focando nos eventos, não deixaremos de atuar nos demais locais de Rio Branco”, reforça.

Durante a feira, o diretor da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (RBTrans), Gabriel Forneck, falou sobre o reforço nas linhas de ônibus para facilitar o acesso ao Parque de Exposições, acrescentando que a frota do transporte público funcionará normalmente, sendo que as linhas que vão para o parque funcionarão até as 3 horas da madrugada.

“Estaremos fazendo um reforço nas linhas com mais sete ônibus que estarão circulando a partir das 18 horas, saindo do Terminal Urbano para a Expoacre e vice-versa. Depois da meia-noite, esses ônibus farão a parada final, saindo da Expoacre, em frente à prefeitura de Rio Branco, onde haverá táxi e mototáxi à disposição para poder levar as pessoas para casa. Os serviços de aplicativos, que agora também estão regulamentados, poderão levar e deixar passageiros”, explica.

Durante todos os dias do evento, barreiras de circulação e proteção para os pedestres serão instaladas para garantir que a travessia da via seja feita exclusivamente pela faixa de pedestres. A fiscalização conjunta feita pela RBTrans, BPTrans e Detran objetiva coibir a condução de veículos após o consumo de álcool.

“Ao longo da Via Chico Mendes, nosso efetivo do Detran, RBTrans, Batalhão de Trânsito e também a PRF estará fazendo todo o monitoramento e no retorno também vamos estar com as ações do álcool zero que é a prevenção. Então, a orientação que a gente vai estar fazendo com 20 agentes e educadores de trânsito é para que as pessoas que têm interesse de ingerir bebida alcoólica ou levam um colega para ser o motorista da rodada ou deixam o veículo em casa e vão com um dos veículos legalizados pela prefeitura”, orienta Forneck.