Projeto ‘Nossa Energia’ roda o interior do AC de caminhão

Durante o percurso, a Energisa substitui lâmpadas, presta orientações sobre consumo consciente e dá dicas de segurança à população.

Orientações sobre redução de consumo e troca de equipamentos são algumas das atividades realizadas pelo projeto “Nossa Energia”, que é parte do Programa de Eficiência Energética da Energisa Acre e regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

As primeiras ações do ano levaram o caminhão para os municípios de Sena Madureira e Plácido de Castro. O veículo carrega e sustenta a estrutura de atendimento ao público no decorrer da viagem. Na quinta (28) e na sexta-feira (29) agora, é a vez de Brasileia.

A equipe do Nossa Energia embarca no caminhão e roda o Acre substituindo lâmpadas, prestando orientações sobre consumo consciente e dando dicas de segurança. (Foto: Divulgação)

Em seguida, a prestação do serviço se estende de 1 e 3 de abril em Tarauacá. Nos dias 4 e 5, a equipe de trabalho do “Nossa Energia” desembarca no pátio do Ginásio Poliesportivo Jader Machado, na capital do Vale do Juruá – Cruzeiro do Sul.

O projeto ainda passa por Mâncio Lima, no dia 8, e chega a Rodrigues Alves no dia 9. A programação do mês de abril se encerra no dia 27 com um novo atendimento aos moradores de Brasileia.

Como funciona?

Durante o percurso, a Energisa substitui lâmpadas, presta orientações sobre consumo consciente e dá dicas de segurança à população.

“A troca das lâmpadas convencionais pela tecnologia led, que são modernas e econômicas, proporciona redução do consumo de energia. É mais uma iniciativa da Energisa para estar próxima da população”, comenta a analista de Eficiência Energética, Daya Campos.

Do início do projeto em 2019 até hoje, milhares de clientes já foram contemplados. Para aderir ao programa, a família precisa cumprir certos requisitos:

  • Cadastro na modalidade de Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE);
  • Possuir acesso à rede de energia;
  • Estar em dias com a conta do mês;
  • Morar em bairros ou comunidades em situação de vulnerabilidade socioeconômica;
  • Apresentar equipamentos antigos para serem substituídos, como lâmpadas e geladeiras.

Antes da pandemia afetar as ações, o Caminhão Nossa Energia visitou os 18 municípios acreanos que são transitáveis por terra.