Corpo de jovem desaparecido é encontrado em área de mata

O corpo de Ilgner Dantas Cardoso, de 23 anos, foi localizado e já removido para o Instituto Médico Legal (IML), em uma área de mata localizada na rua Montreal do bairro Esperança III.

O corpo estava em uma cova rasa amarrado, amordaçado com a própria camisa que usava e com sinais de perfuração feita por tiro, arma branca e paulada.

Ilgner estava desaparecido desde o último domingo (25), quando saiu de casa no bairro Portal da Amazônia, com um homem e não mais retornou. Na segunda-feira (26), a mãe, Ana Paula, recebeu um vídeo que dava conta de que ele teria sido capturado por uma facção criminosa e brutalmente assassinado ainda sem motivação prévia.

A mãe chegou a fazer um apelo nas redes sociais para que entregassem a localização do corpo do filho pra que ela pode-se sepultar, e na manhã de hoje (28), através de denúncia anônima o corpo foi localizado.

Para o resgate foram necessários uma equipe do Corpo de Bombeiros, e o local em seguida passou por perícia. O corpo foi levado a base do Instituto Médico Legal (IML), e o delegado da homicídios, Rêmulo Diniz, deverá se pronunciar sobre o caso ainda hoje.

Homem é achado morto dentro da casa de amigo de infância e família presta queixa após laudo apontar asfixia

Raimundo Araújo, de 56 anos, mais conhecido como cachorrão, foi achado morto dentro da casa de um amigo na noite deste sábado (3), no bairro Cruzeirão, em Cruzeiro do Sul. De acordo com a polícia, o dono da casa onde a vítima foi encontrada disse ter saído para trabalhar e quando retornou, por volta das 18h, encontrou o amigo já morto.

O dono da casa contou que a vítima tinha livre acesso ao local e, por isso, frequentava a casa quando ninguém estava. Nonato era casado com a radialista Cirlene de Paula, de 50 anos.

Ela registrou um boletim de ocorrência porque acredita que o marido tenha sido morto porque o laudo médico aponta que Nonato foi vítima de asfixia mecânica, por sufocação.

“Meu compadre me ligou dizendo que meu marido estava morto na casa de um irmão dele. Eles eram amigos de infância. Disseram apenas que encontraram ele morto, mas no laudo médico consta que morreu por asfixia. Quero que o delegado investigue para saber o que de fato aconteceu. Meu marido era uma pessoa boa, que não fazia mal a ninguém”, relembra.

Cirlene conta que o marido saiu de casa pela manhã e aparentava estar saudável. A primeira informação que ela recebeu é de que Nonato havia morrido por overdose, mas ela não acredita nessa versão.

“Isso é mentira, cheguei na casa desse amigo e meu esposo estava morto, já gelado, com uma toalha enrolada no pescoço. No IML foi constatado que ele morreu entre 12h e 13h por asfixia. O que me chama atenção é que meu compadre só me ligou por volta das 18h. Queremos uma resposta da polícia. Não vamos descansar enquanto não esclarecermos a morte dele”, diz indignada.

O delegado plantonista Vinícius Almeida confirmou que um boletim foi aberto para que a morte do homem seja investigada, porém, isso deve ser feito no decorrer da semana após o delegado designado assumir o caso.

“O delegado que assumir a investigação deverá aguardar o laudo cadavérico para saber se houve sinais de violência para intimar todas as pessoas envolvidas nessa situação para tentar esclarecer o que de fato aconteceu”, explica.

O corpo de Raimundo foi embalsamado para aguardar a chegada de parentes que moram na capital. O velório está acontecendo no Centro Comunitário Nossa Senhora das Graças, localizado na rodovia AC-405. O sepultamento está marcado para às 16h da tarde no cemitério Jardim da Paz.

Homem de 55 anos é encontrado morto com dois tiros na cabeça dentro de casa no Quinze

Clóvis Dias de Reis, de 55 anos, foi encontrado morto com tiro na cabeça dentro de casa, na noite de terça-feira. O fato foi registrado pela Polícia Militar por volta das 23h30 em uma residência localizada no bairro Nossa Senhora da Conceição, em frente a escola Ana Turan, região do bairro 15, em Rio Branco.

De acordo com o registrado em boletim de ocorrência, os policiais foram acionados via Centro Integrado em Operações (Ciosp), e ao chegarem ao local encontraram a vítima dentro da casa com duas perfurações na cabeça, sendo uma delas no olho.

Como já estava sem vida, eles acionaram de imediato a perícia criminal e também a Delegacia de Homicídios para dar início ao trabalho de investigação já que ali havia acontecido um assassinato. A princípio, a hipótese é de que a casa teria sido invadida.

Corpo de jovem desaparecida é encontrado em área de mata

Os exames para confirmação de identidade ainda serão feitos pelo Instituto Médico Legal (IML), mas através do vestido, familiares de Amanda Gomes fizeram o reconhecimento dos ossos encontrado na tarde desta quinta-feira (23), nos fundos da Chácara Monte Mário, no bairro Taquari.

O local fica à 600 metros da Travessa São Paulo, local onde foi encontrado Victor Hugo e também não fica muito distante de onde foi encontrado o corpo de Isabelle Lima. Os três jovens moradores do bairro Taquari desapareceram no domingo (05), ao saírem de casa dizendo aos pais que iriam para o parque de exposições.

O corpo de Victor Hugo foi encontrado na terça feira (07), amarrado pés e mãos, dentro de um poço, na Travessa São Paulo. O corpo de Isabelle Lima foi encontrado em uma área de mata da Chácara Santa Bruna. Ambos mortos a golpes de faca.

A Delegacia de Homicídios ja ouviu familiares e possíveis testemunhas. De acordo com o delegado Cristiano Bastos, eles já têm a suspeita d e possíveis autores e já sabem todo o caminho que as vítimas percorreram desde que saíram de casa. Agora resta promover provas para solicitar as prisões.

Acreano é encontrado morto por amigos em lago na Bolívia

Amigos, parentes e uma equipe do Corpo de Bombeiros do Acre encontraram o corpo de Adresson Bezerra, de 20 anos, na manhã deste domingo (8) após dias de buscas. O rapaz tinha o ferimento de arma de fogo no crânio e a Polícia Civil acredita em suicídio. Porém, o caso é investigado pela delegacia de Plácido de Castro, interior do Acre, e cidade que o rapaz morava.

O Instituto Médico Legal do Acre (IML) está a caminho do local para resgatar o corpo de Bezerra. Segundo a polícia, o cadáver estava dentro de um lago na Bolívia, país que faz fronteira com o Acre.

“Segundo minha investigação, ele deu um tiro no pescoço que saiu no crânio, tiro de espingarda. Estava dentro d’água e a espingarda perto dele. O IML foi buscar. Trabalhamos com essa linha de investigação, mas vai ser apurado”, explicou ao G1 o delegado Carlos Bayma.

Ainda segundo Bayma, o rapaz estava desaparecido há pelo menos três dias. “Era conhecido lá, disseram que foi por motivos passionais. Parece que a namorada tinha largado ele”, afirmou.

O Corpo de Bombeiros confirmou que havia uma equipe em busca pelo rapaz. Ele sumiu na quinta-feira (5) e as equipes iniciaram as buscas na sexta (6).