Sintect comemora vitória na justiça após greve geral

O Sindicato dos Trabalhadores da Empresa de Correios e Telégrafos do Acre (Sintect/AC), entrou com mandado de segurança solicitando a revogação da decisão que suspendia s férias já programadas dos funcionários. O juiz deu parecer favorável, o que é considerada uma vitória pela categoria que encerrou a greve de duas semanas na tarde de terça-feira, 9.

Para o presidente do Sintect/AC, Edson Pinheiro, esta é uma conquista da categoria que lutava por esta suspensão. “Nós retornamos imediatamente ao trabalho na tarde de terça-feira, pelo consenso da maioria, mas sem concordar com a proposta da empresa, porém tivemos essa vitória.”

Pinheiro diz que as propostas não atenderam aos requisitos básicos, mas a liminar favorável já deixa a categoria fortalecida. “Isso nos faz caminha com mais força daqui por diante”, disse.

Ainda de acordo com o sindicalista, o sindicato enviou um ofício circular pedindo que o ponto do dia 28, quando ocorreu a greve geral, não seja cortado. Além disso, ele garante que os funcionários atuarão de formar a compensar compensatória para garantir a manutenção do serviço.

O pedido foi gerado devido posicionamento da empresa que disse vai descontar os dias parados dos trabalhadores no Acre, Santa Catarina e Santa Maria (RS). “Vamos lutar na Justiça para que o desconto não ocorra e que os trabalhadores possam compensar os dias parados da mesma forma que vai ocorrer em outros Estados”, concluiu Edson.