Conecte-se conosco

Covid-19

Secretários criticam demora na atualização do vacinômetro de Bolsonaro e falam em intenção política

Publicado

em

Secretários de Saúde criticam o que veem como demora na atualização do painel de vacinação do Ministério da Saúde, que divulga quantas doses de imunizante contra a Covid-19 foram aplicadas.

No domingo (25), a página do Localiza SUS mostrava 37.846.525 doses aplicadas, enquanto a soma dos números das secretarias registrava 41.468.622 já na noite do sábado (24).

No caso de São Paulo, a diferença se destaca. A página do ministério mostrava 8,8 milhões de doses aplicadas na noite deste domingo (25), enquanto o vacinômetro do governo de São Paulo já registra mais de 10 milhões desde a manhã de quinta-feira (22). Neste domingo, atingiu 10,7 milhões.

A pasta argumenta que o sistema é alimentado por estados e municípios, atualizado a cada quatro horas e que tem solicitado mais celeridade no envio dos dados aos entes da federação.

Os secretários afirmam que têm sido pressionados por órgãos de controle e pela população que, baseados nos números do ministério, cobram mais agilidade. Bolsonaristas também têm feito ataques, insuflados pelo presidente.

Propaganda

Eles veem possível motivação política no atraso para fortalecer a narrativa de Bolsonaro de que tem entregado vacinas e elas não tem sido dadas. No final de março, o presidente chegou a divulgar em suas redes sociais alguns cards que mostravam a diferença entre as vacinas distribuídas e as aplicadas.

Segundo os secretários, a atualização é tecnicamente muito simples, o que contribui para que enxerguem má vontade.

Auxiliares do ministério rebatem os secretários: são alguns governadores que estão demorando para enviar os dados para a plataforma para prejudicar o governo federal.

Em nota, o Ministério da Saúde afirma que o sistema Localiza SUS “é alimentado por estados e municípios e é atualizado a cada 4 horas. O Ministério da Saúde tem, inclusive, solicitado aos entes federativos para que as informações sejam inseridas no sistema com a maior celeridade possível. De acordo com a Medida Provisória 1026 e portaria nº 69 do Ministério, esses dados devem ser inseridos no sistema em até 48 horas.”

O governo de São Paulo diz à coluna, em nota, que qualquer atraso deve ser atribuído ao governo federal.

Propaganda

“O vacinômetro do estado de São Paulo contém informações atualizadas em tempo real, a cada quinze minutos. As estatísticas da campanha de imunização contra Covid-19 em SP são publicadas de forma transparente, inclusive com segmentação de primeira e segunda dose, bem como das 645 cidades”, afirma.

“Os dados são extraídos da plataforma estadual VaciVida, que possui interoperabilidade com o sistema federal. Portanto, eventual delay está sob responsabilidade do próprio Governo Federal, considerando inclusive que o próprio painel do Localiza SUS que contém as estatísticas da vacinação do Brasil indica em nota de rodapé o atraso de atualização dos dados contidos na RNDS (Rede Nacional de Dados em Saúde)”, completa.

folha

Güzgüyə çatdıqdan sonra saytda qeydiyyatdan keçmək ötrü aşağıdakı addımları yerinə yetirməli olacaqsınız. yüklə android apk 1win AZ-a mərc etməyə başlamaq üçün ilk növbədə qeydiyyat prosesindən keçməlisiniz. canlı və kiberidman bölmələrinə İlk dörd əmanət arasında bölüşdürülmüş 500% mülayim gəlmisiniz bonusumuzu mobil tətbiqetməmizdə də tələb edə bilərsiniz. bundan əlavə Bəli, mərc platforması rəsmi lisenziya ilə tənzimlənir. mobil əmsallarımızdan istifadə