Prefeito Marcus Alexandre e Socorro Neri empossam 923 novos profissionais

Um ato histórico. Assim definiu o prefeito Marcus Alexandre o evento de posse dos 923 professores e profissionais aprovados no concurso público da Secretaria Municipal de Educação (SEME), realizado na manhã desta quinta-feira, 2, no auditório do Resort Hotel, na Estrada da Floresta. No total, 1.024 profissionais estão sendo incorporados aos quadros efetivo e temporário da Prefeitura de Rio Branco para garantir 100% de operacionalidade nas 84 escolas, na abertura do ano letivo, segunda-feira próxima, dia 6 de março.

Marcus Alexandre deu as boas-vindas aos empossados e aos convidados, como o ex-prefeito Raimundo Angelim, hoje deputado federal, e a vice-prefeita Socorro Neri, educadora que, conforme destacou o prefeito, demonstra alto grau de compromisso com a educação. Também estiveram presentes o vereador Mamed Dankar e a presidente da Federação das Associações de Moradores de Rio Branco (FAMAC), Terezinha Santana, que enalteceu o momento destacando o esforço da Prefeitura em contratar tão volumoso número de profissionais para o sistema municipal de ensino. “É realmente um momento histórico. São ocasiões como esta que fazem valer à pena todo o nosso esforço e dedicação”, disse o prefeito.

Este é o maior concurso público para professores e profissionais da educação realizado na história do município de Rio Branco. Os novos contratados atuarão como Professor da Educação Infantil, do Ensino Fundamental I, Professor do Atendimento Educacional Especializado, de Educação Física, Cuidador Pessoal, Assistente Escolar, Assistente de Creche, Merendeira e Professor de Libras.

Nada menos que 60% dos contratados já mantinham contratos temporários com a rede municipal de ensino. Os 40% restantes estão ingressando agora e passarão por um profundo processo de qualificação que não se interrompe, mas segue por toda a carreira.

Durante o ato, o prefeito convocou os empossados a se somarem ao esforço coletivo para manter a educação de Rio Branco entre as mais eficientes do País. Ele destacou que mesmo diante da maior tragédia ambiental da história do Acre, a grande cheia do Rio Acre em 2015, a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) ficou entre as melhores. “Mesmo na maior tragédia alcançamos a 4ª maior nota do Brasil entre as capitais”, lembrou Marcus Alexandre.

Profissionais consultados chancelaram as declarações do prefeito. A professora Maria Waste dá aulas há trinta anos e se disse muito feliz pelo fato de, mesmo após tantos anos de serviços prestados, ainda ter forte motivação para seguir trabalhando. “É uma honra ser professora”, disse ela.

“Uma alegria muito grande de ser professora”

A lotação já foi feita e a grande maioria dos profissionais escolheu o local de trabalho. É o caso da jovem Samara Priscila Abreu, que vai dar aula na Escola Valdiva de Castro dos Santos, no Conjunto Universitário.

“É uma alegria muito grande poder dar seguimento a uma vocação de família, pois minha mãe era professora”, disse Samara. Assim, os empossados já estão integrados à equipe da SEME e participam das atividades de formação e planejamento para o início do ano letivo.

A vice-prefeita Socorro Neri observa que a incorporação desse número de trabalhadores ao quadro efetivo da municipalidade traz novos significados à política educacional de Rio Branco. “É também o fortalecimento do quadro efetivo e a profissionalização do sistema, uma garantia da qualidade do ensino”, disse a vice-prefeita de Rio Branco.

Cada vez mais crianças nas escolas em uma educação universalizada

A contratação de novos profissionais faz parte da política de investimento na qualidade educacional de Rio Branco.

Além da contração e formação de profissionais, as ações incluem reforma e ampliação da rede, bem como a construção de novas unidades. O maior investimento foi na educação infantil. Só nos últimos quatro anos foram construídas oito novas creches, o que permitiu criar 4.400 novas vagas em creche (crianças com idade entre 2 e 3 anos) e pré-escola (crianças de 4 e 5 anos).

Atualmente, conforme voltou a lembrar o secretário Márcio Batista, o município de Rio Branco conta com 84 unidades educativas que iniciarão o ano letivo de 2017 com 24.087 alunos na Educação Infantil e Ensino Fundamental. Com a inauguração das unidades em construção, até o final do ano o número de alunos matriculados deve ser superior a 25 mil.

No mês de março a Prefeitura vai inaugurar os Centros de Educação Infantil (creche e pré-escola) do Residencial Rosa Linda, na BR-364, e do Jacamim, no Conjunto Oscar Passos, além da nova escola Menino Jesus, no Centro de Rio Branco, que será entregue totalmente reestruturada.