Polícia Civil celebra conquistas no governo de Tião Viana

A Polícia Civil do Acre é uma das categorias profissionais do Estado que está sendo beneficiada pelo reajuste salarial proposto pelo governador Tião Viana nos últimos dias e aprovada pela Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). A sanção da lei foi publicada nesta sexta-feira, 17, no Diário Oficial do Estado.

A instituição ganhou uma completa reformulação de seu Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR), o que dará a todos seus profissionais um sistema mais justo de promoções.

Mas o PCCR não é a única conquista da Polícia Civil acreana. O governador Tião Viana – em seus esforços pelo fortalecimento do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) – contratou, ao longo de sua gestão, 450 novos profissionais, entre agentes e demais cargos.

Com os novos concursos para peritos criminais, agentes e escrivães de polícia, previstos ainda para este ano, a expectativa é de que até 2018 a Polícia Civil do Acre alcance mais de 700 contratações na gestão de Tião Viana.

“O governador conseguiu se destacar com um governo no qual o incremento salarial foi uma coisa jamais vista, com a valorização e capacitação do nosso efetivo, além dos concursos públicos nos quais todas as pessoas efetivamente classificadas foram chamadas sempre além do número previsto dentro do edital”, ressaltou o secretário de Polícia Civil, Carlos Flávio Portela.

Modernização e infraestrutura

Em 2011 houve a entrega da nova sede da Polícia Civil, num investimento de mais de R$ 2 milhões.

Também foi entregue o Departamento da Polícia Técnico-Científica (DPTC), com tecnologia e equipamentos de ponta para a resolução de crimes e disponibilização de serviços para a sociedade.

Nesse meio tempo, as reformas nas unidades ainda chegaram à delegacia de Feijó e ao Centro Integrado de Segurança Pública (Ciosp) de Acrelândia, além de outras unidades do interior.

Para este ano, ainda está prevista a conclusão da reforma da delegacia de Sena Madureira, totalizando quase R$ 1 milhão em novos investimentos.

Com todos esses avanços em infraestrutura e em recursos humanos, o presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Acre (Sinpol/AC), Itamir Lima, afirma que o novo PCCR consolida um marco da transformação e do bom momento que a Polícia Civil vive no Acre junto à valorização de todo o seu quadro de profissionais.

O PCCR foi totalmente acordado entre governo do Estado e entidades sindicais, que estão de acordo com as mudanças estabelecidas.

“Não é só a melhoria salarial, mas efetiva uma carreira sólida, que não é interessante só para a Polícia Civil, mas também para todo o sistema de segurança pública do Estado e, consequentemente, para toda a sociedade. Reconhecemos os esforços do governador Tião Viana, que sempre nos recebeu e é um parceiro desses profissionais, que manteve sua palavra com a categoria, mesmo num cenário econômico conturbado. Os profissionais agora se sentem mais valorizados e vão devolver esses ganhos com serviços ainda melhores”, conta Itamir Lima.