Connect with us

Educação

MEC debate importância do ensino de Filosofia e Sociologia na educação básica

Published

on

O Ministério da Educação (MEC), através da Secretaria de Educação Básica (SEB) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), participou de uma audiência pública na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados, realizada em 11 de abril. O objetivo foi debater a relevância do ensino de Filosofia e Sociologia na educação básica, a pedido da deputada Luciene Cavalcante (PSOL-SP), que considera essas disciplinas fundamentais para o desenvolvimento dos alunos em várias áreas pessoais.

Na audiência, Christy Ganzert Pato, coordenador-geral de Estratégia da Educação Básica da SEB, representou o MEC. Ele é doutor em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP) e professor de Ciências Sociais. Pato destacou a importância de considerar diversos aspectos, como conteúdo curricular, formação de professores e execução das políticas públicas educacionais pelos estados e municípios brasileiros, sob a perspectiva do pacto federativo.

O coordenador-geral ressaltou a necessidade de alinhar as diretrizes curriculares das disciplinas com a realidade local das redes de ensino, para garantir sua efetiva implementação. Ele também mencionou o Projeto de Lei (PL) 5230/2023, que reintroduz no ensino médio as disciplinas de Filosofia e Sociologia, acolhido pela Câmara dos Deputados. Além disso, destacou que o novo Programa Nacional do Livro Didático prevê obras didáticas nessas áreas para o ensino médio.

Pato enfatizou que o debate sobre o ensino de Filosofia e Sociologia tem grande importância para a formação integral dos estudantes, visando uma educação crítica que promova a plena cidadania da juventude brasileira e contribua para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa e sustentável.

Continue Reading