Longa metragem gravado no Acre é destaque em Festival na Argentina

O Acre vai aparecer pela primeira vez em um festival de cinema de grande porte com o longa metragem Cícero Impune , filmado em Rio Branco pelo diretor argentino Jose Celestino Campusano com atores e cineastas locais. Cícero Impune foi selecionado para ser exibido no na 19ª edição do Festival Internacional de Cinema Independente de Buenos Aires, o tradicional BAFICI, que reúne milhares de pessoas na capital da Argentina, reconhecido como um dos mais importantes da América Latina na atualidade.

De acordo com Karla Martins, diretora da Fundação Elias Mansour, José Celestino Campusano esteve no Acre a convite do Festival Pachamama, onde nasceu a ideia da coprodução com o Estado. O filme contou com o apoio e incentivo do Governo do Estado, do Festival Pachamama e foi realizado com os alunos da Usina de Artes.

O BAFICI teve sua primeira edição em abril de 1999 organizado pela – no entanto – a Secretaria de Cultura do Governo da Cidade de Buenos Aires. Usaram-se importantes salas de cinema, algumas da cadeia Hoyts e outras salas mais tradicionais, ou usualmente dedicadas ao cine no comercial. Naquela edição, o festival teve mais de 146 convidadom entre eles reconhecidas figuras internacionais como Francis Ford Coppola, Todd Haynes e Paul Morrissey entre outros e se projetaram mais de 150 filmes entre nacionais e estrangeiros. A convocatória foi de arredor de 120.000 espectadores.

No ano seguinte se repetiria no mês de abril a edição do festival com uma maior oferta de filmes e com o agregado das atividades paralelas (com charas, conferências e palestras) e um nível de convocatória similar ao do ano anterior, deste modo, o festival parecia ficar definitivamente instalado dentro da agenda cultural da cidade de Buenos Aires. Desde então cada ano se repete cada vez com maior quantidade de oferta de filmes e atividades e com uma igual de crescente convocatória de público o festival, que para 2006 leva realizadas oito edições consecutivas, incorporando alterações e novidades através do tempo.

Durante as filmagens no Acre em 2016, o diretor utilizou mais de 60 figurantes em uma cena que simulou uma balada. A locação ocorreu no Studio Beer. Se realiza todos os anos, durante o mês de Abril na cidade de Buenos Aires, na Argentina. O festival de Buenos Aires é organizado pelo Ministério de Cultura do Governo da Cidade de Buenos Aires, não é um festival oficial afiliado da FIAPF, mas, segundo os organizadores, “se trata de um evento reconhecido internacionalmente por sua transcendência”.