Jogadores precisam ajudar a restaurar imagem do futebol espanhol, diz técnico

O técnico da seleção masculina da Espanha, Luis de la Fuente, acredita que sua equipe tem a responsabilidade de reparar a imagem do futebol espanhol por meio de seu desempenho em campo. A federação de futebol do país (RFEF) está sendo investigada por corrupção.

A RFEF demitiu dois dirigentes na quinta-feira (21), depois que a polícia espanhola fez buscas na sede da entidade, em Madri.

A federação disse que os dirigentes estavam ligados a uma investigação de corrupção de milhões de euros, acrescentando que o caso provocou “danos muito sérios” à imagem do esporte no país.

Um apartamento pertencente ao ex-presidente Luis Rubiales também foi alvo da operação. Ele também é acusado de corrupção.

Perguntado sobre as recentes buscas, Luis de la Fuente disse aos repórteres nesta quinta: “Ninguém espera isso. Não é bom. É um sentimento de tristeza em relação à imagem que estamos oferecendo. Isso não deve ter nenhum impacto em nosso trabalho, mas não vivemos fora de contato com a realidade. Só queremos que as autoridades investiguem e apurem [nossas] responsabilidades.”

“Temos uma grande responsabilidade. Queremos levar boas notícias aos torcedores e ao nosso país e, para isso, precisamos manter o foco e trabalhar para jogar boas partidas e oferecer uma boa imagem para que o nome da Espanha e da RFEF esteja onde deve estar”, acrescentou.

A Espanha enfrenta a Colômbia nesta sexta-feira (22), em Londres, e o Brasil na próxima terça-feira (26), ambos em partidas amistosas.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Este conteúdo foi originalmente publicado em Jogadores precisam ajudar a restaurar imagem do futebol espanhol, diz técnico no site CNN Brasil.