Galo pega o Dragão mirando a liderança

Vitória do Náutico-PE classificou o Atlético Acreano na competição

Mesmo já classificado para a segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série C, após a vitória do Náutico sobre o ABC-RN por 2 a 0, em jogo disputado neste sábado, na Arena Pernambuco, o Galo Carijó vai a campo neste domingo (5), às 17h, com objetivo de não somente vencer o Confiança-SE, mas também de retomar a liderança da competição e garantir o direito de jogar o segundo e decisivo jogo do acesso diante de seu torcedor.

O volante Kássio explicou logo após a vitória do Náutico sobre o ABC que o resultado conquistado pelos pernambucanos, garantindo não somente eles, mas também ao Galo na segunda fase da competição, de nada mudará para o duelo deste domingo. “Nosso pensamento continua sendo de vitória para retormarmos a liderança e garantirmos o direito de decidir o acesso dentro de casa”, explica o volante.

Jejum de vitórias

Sem vencer há três partidas pelo torneio, o time celeste teve uma semana cheia de trabalho antes de encarar o Confiança neste domingo (5) no estádio Florestão. O técnico Álvaro Miguéis aproveitou cada momento dos treinos não somente para ajustar a equipe, mas também para cobrar de seus jogadores mais caprichoso nas finalizações, algo bastante trabalhado durante a semana.

Sem mistério

Com apenas um desfalque para encarar neste domingo o Dragão, o Galo Carijó não poderá contar com o zagueiro João Marcus. O atleta cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo, assim como o polivalente Douglas assumindo o posto vago. Por outro lado, o técnico Álvaro Miguéis comemora o retorno a equipe do lateral direito Matheus e também do meia-atacante Tauã. Outra notícia comemorada pelo treinador diz respeito a presença do atacante Rafael Barros entre os titulares. O atleta horas antes do embarque da semana passada para João Pessoa (PB) enfrentou um problema de saúde da sua esposa e não encarou o Botafogo-PB. Sem nenhuma outra anormalidade o Galo Carijó vai a campo para encarar o Dragão com a seguinte formação: Ruan, Matheus, Diego, Douglas e Jeferson; Leandro, Kássio, Eduardo; Tauã, Neto e Rafael Barros.

Confiança

Com a pior defesa do grupo A, 33 gols sofridos em 16 jogos, o Confiança chega para a partida contra o Atlético Acreano com um jejum de dez jogos sem vitórias e para piorar a situação o time sergipano pegará o time de melhor ataque da chave, o Galo Carijó, com 24 gols. Outro detalhe que conspira contra os visitantes é o fato do Galo Carijó ainda não ter perdido em casa na competição.

O time proletário para o duelo contra o time acreano não poderá contar com o atacante Tito e o meia-atacante Ítalo, ambos lesionados, assim como os laterais Apodi e Ângelo. No entanto, o técnico Betinho para o jogo poderá contar com o meia Raí e o volante Jardel, que voltam de lesão. Este último estava sem atividades há quase um ano após passar por cirurgia. Vinicius Simon viajou com o grupo, mas ainda é dúvida para a partida.