Dona Senhorinha: A bocacrense inspiração de vida completa 107 anos de idade


Nesta sexta-feira, dia 2 de fevereiro, a cidade de Boca do Acre celebrou os incríveis 107 anos de vida de Maria Teixeira de Moura, carinhosamente conhecida como Dona Senhorinha. Uma mulher única, que, apesar das adversidades da vida, continua a surpreender a todos com sua lucidez e alegria de viver.

Dona Senhorinha, nascida em 02 de fevereiro de 1917, é um verdadeiro tesouro vivo da história de Boca do Acre. Mesmo enfrentando problemas de saúde, ela nunca deixou de ser a matriarca dedicada, preocupada com o bem-estar de sua família. Seu amor pela vida é evidente em sua paixão por peixe e seu prazer em compartilhar histórias e conversas.

O que mais impressiona na história de Dona Senhorinha é a nitidez com que ela recorda eventos passados. Mesmo com um princípio de Acidente Vascular Cerebral (AVC) em 2021, que a deixou fisicamente debilitada, sua mente continua afiada, relembrando com riqueza de detalhes a história de Boca do Acre, desde os tempos antigos até os dias atuais.

Com um sorriso otimista no rosto, Dona Senhorinha compartilha suas memórias, descrevendo a cidade como era antigamente, lembrando datas importantes, aniversários de irmãos e parentes, e revivendo histórias emocionantes sobre as pescarias e a antiga casa de farinha que ela administrava.

O ano de 2020 marcou um capítulo notável na vida de Dona Senhorinha, quando, aos 103 anos, enfrentou corajosamente a Covid-19 e venceu a doença. Em meio aos desafios, ela expressou seu desejo de se recuperar para saborear novamente seu prato favorito, o torresmo.

Atualmente, Dona Senhorinha enfrenta limitações físicas, não podendo andar sozinha e com movimentos comprometidos em um lado do corpo. No entanto, sua esperança e otimismo continuam inabaláveis, inspirando a todos ao seu redor.

A história de Dona Senhorinha é um testemunho de resiliência, amor e sabedoria. Sua vida é um verdadeiro exemplo de como enfrentar as adversidades com graça e determinação, mostrando que a idade é apenas um número diante da força do espírito humano. Boca do Acre se orgulha de ter uma filha tão notável, e Dona Senhorinha permanece como uma fonte inesgotável de inspiração para toda a comunidade. Que seus dias continuem sendo repletos de amor, memórias e alegrias. Parabéns, Dona Senhorinha!