Deputada Maria Antônia agradece Morhan em sessão

Em seu discurso na Assembleia Legislativa do Acre, nesta terça-feira (14), a deputada Maria Antônia (PROS) agradeceu à coordenação regional do Acre e Amazonas do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas Pela Hanseníase (Morhan) pelo reconhecimento do trabalho parlamentar que é desenvolvido em prol das pessoas acometidas pela hanseníase.

Ela lembrou que no último dia 9 de fevereiro foi homenageada em Manaus ao lado do governador Tião Viana (PT), autor do projeto que institui o pagamento de pensão vitalícia a esses brasileiros, por meio de um projeto de lei apresentado ao Senado Federal na época em que era senador. A lei 11.520, de 2007, garante a toda pessoa isolada à força pelo Estado em um leprosário uma pensão indenizatória vitalícia mensal de R$ 1,206,00. A atuação do presidente Lula na época também foi fundamental para a aprovação do projeto.

“A lei beneficiou 10 mil pessoas no Brasil. No Acre, beneficiou 600 pessoas com uma pensão vitalícia ao pessoal do Morhan. O governador Tião Viana apresentou essa lei no Congresso quando era senador. As pessoas receberam também o retroativo. É um benefício maravilhoso para a vida dessas pessoas. Foi na época em que o presidente Lula era presidente. Hoje essas pessoas podem ter uma vida mais favorável. São pessoas humildes, simples. Só tenho que ficar muito feliz em mostrar essa honra ao mérito que recebi. Quero agradecer ao pessoal do Morhan do Amazonas por reconhecer o trabalho da deputada Maria Antônia no Acre”, disse a parlamentar.