Defesa Civil interdita 9 casas por risco de desabamento

A Defesa Civil de Rio Branco e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Acre (CBMAC) desocuparam, nesta quinta-feira (14), quatro famílias que moram na Rua Poços de Caldas, no bairro Cidade Nova, após o desabamento de duas casas e de uma oficina mecânica. 

(Foto: Reprodução/Instagram/Cláudio Falcão)

Localizada às margens do Rio Acre, a região sofre um processo acelerado de erosão do solo desde que o nível das águas começou a baixar. Os órgãos de segurança interditaram nove residências e ajudaram a remover parte dos móveis.

“Nós vamos avaliar as próximas horas para ver se a situação estabiliza. Por conta do risco, nós não podemos tirar mais móveis do que já foi tirado”, explica o secretário de Defesa Civil, tenente-coronel Cláudio Falcão.

(Foto: Reprodução/Instagram/Cláudio Falcão)

Além disso, uma equipe náutica realiza ações paliativas para evitar novos desmoronamentos de terra. Até o momento, o Município já recebeu mais de 2.100 pedidos de vistorias em residências afetadas pela alagação.

A solicitação deve ser feita por meio do telefone 193. No entanto, como a demanda é alta, ainda não existe um prazo determinado de resposta. “Estamos nos desdobrando para atender o mais rápido possível”, disse Falcão.