Celso Jerônimo é empossado no cargo de procurador de Justiça

Na noite de ontem (13), no auditório do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), o promotor Celso Jerônimo de Souza tomou posse como procurador de Justiça, durante sessão solene do Colégio de Procuradores de Justiça.

No dia 16 de fevereiro deste ano, Celso Jerônimo foi promovido ao cargo de procurador por merecimento durante sessão ordinária do Conselho Superior.

O merecimento nas remoções e promoções é aferido conforme desempenho e critérios objetivos de produtividade e presteza no exercício das funções ministeriais, entre outros. Também são avaliados, por exemplo, a conduta do membro do Ministério Público na sua vida pública e particular e o conceito de que goza na comarca.

Os conselheiros também verificam a contribuição do membro na execução de metas globais da Instituição, a ser aferida mediante instrumento de mensuração aplicada pela Diretoria de Planejamento Estratégico; bem como sua colaboração ao aperfeiçoamento do Ministério Público.

Celso Jerônimo

É natural de Campos de Meio (MG) e possui graduação em Direito pela Faculdade Estadual de Direito do Norte Pioneiro. Ingressou na carreira do Ministério Público em 31 de janeiro de 1997, aos 39 anos.

 Foi promotor em Feijó e, por substituição, atuou nas promotorias de Xapuri, Tarauacá, Senador Guiomard, Plácido de Castro e Brasileia.  Na capital, atuou na 2ª e 3ª Promotoria Cível, e é o titular da 8ª Promotoria Cível, que atua perante a 3ª Vara de Família. Foi ainda, promotor eleitoral.

 Entre os anos de 2004 e 2009, presidiu a Associação do Ministério Público do Estado do Acre (Ampac). Foi também Ouvidor substituto e diretor da Fundação Escola Superior do Ministério Público (Fempac). Atualmente é o secretário-geral do MPAC.

 Era bancário no Banco do Estado do Paraná, antes de tomar posse como promotor de Justiça no Acre.