Campanha de combate ao Aedes envolve professores e gestores da rede pública

Com a chegada do período de chuvas aumenta o risco de proliferação de mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e febre chikungunya. Com o objetivo de eliminar criadouros e combater a proliferação do mosquito, a prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SEMSA) intensifica a campanha de combate ao Aedes aegypti pede o envolvimento de todos.

Além dos mutirões nos bairros, nesta quarta-feira, 24, a Semsa anunciou a ação de combate ao mosquito da dengue aos prédios públicos da capital. A programação começou com palestra para professores e gestores da rede pública de ensino, momento em que a equipe de Educação em Saúde do Departamento de Vigilância Epidemiológica da Semsa repassou informações atuais sobre a situação do Aedes aegipty na capital do Acre. “A Semsa e a Secretaria de Estado da Gestão Administrativa são parceiras neste trabalho”, disse Dulcineide Souza, coordenadora da equipe de Educação em Saúde. A palestra ocorreu no auditório da Secretaria de Estado da Educação.

A Prefeitura de Rio Branco segue pedindo o envolvimento da população no enfrentamento aos focos do mosquito Aedes aegyti. A população pode colaborar mantendo seus quintais limpos e livres de materiais que acumulam água, os quais se tornam potenciais criadouros do inseto.