Bocacrense é assassinada com requintes de crueldade no Acre; polícia prende suspeitos

A Polícia Civil de Senador Guiomard, no Acre, prendeu preventivamente um grupo de pessoas acusadas da morte da bocacrense Silvanira Monteiro da Silva, que foi assassinada no município vizinho de Boca do Acre, com requintes de crueldade.

As prisões e apreensões aconteceram no último sábado (10). O corpo de Silvanira foi encontrado no dia 05 de abril, pela manhã, após informações repassadas de agentes da Polícia Civil à PMAC.

A polícia apurou que Silvanira passava alguns dias na casa de parentes, em Senador Guiomard, no bairro Chico Paulo; por residir em região de outra facção rival, após o fato ser descoberto, foi torturada e morta com requintes de crueldade com decapitação e corpo carbonizado.

Foram presas na operação 7 pessoas, drogas, telefones celulares, além de outros materiais que vão auxiliar no deslinde do feito.