Afetados pelas inundações no Acre ganharam mais prazo para pagamento de impostos

A Receita Federal prorrogou para o dia 31 do próximo mês, o pagamento dos impostos e das contribuições que venceram em fevereiro e março dos moradores de Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Tarauacá, Feijó, Jordão, Porto Walter, Mâncio Lima, Rodrigues Alves e Santa Rosa do Purus, afetados pela enchente deste ano de rios e igarapés.

De acordo com o órgão tributário, a medida também se aplica às prestações de parcelamentos vencidos em fevereiro e março. Ainda, segundo a Receita, o prazo para pagamento foi estendido devido à declaração de calamidade pública feita pelo governo acreano.  

A Receita alerta que a prorrogação não se aplica aos vencimentos do Simples Nacional, regime especial de tributação para as micro e pequenas empresas e os microempreendedores individuais. Em fevereiro, a Caixa Econômica antecipou o pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), no valor de até R$ 6.220, aos trabalhadores atingidos pelas inundações no Estado.