Connect with us

Super destaque 2

Acre iniciará vacinação contra a dengue em fevereiro, conforme anúncio do Ministério da Saúde

Published

on

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), iniciará a vacinação contra a dengue em fevereiro. O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira, 25, a distribuição da vacina para 11 municípios do estado.

A imunização será focada em crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, residentes em cidades com mais de cem mil habitantes e alto volume de casos de dengue tipo 2. Além disso, municípios vizinhos também receberão o imunizante.

Os municípios contemplados são Rio Branco, Senador Guiomard, Capixaba, Sena Madureira, Plácido de Castro, Manoel Urbano, Porto Acre, Acrelândia, Bujari, Santa Rosa do Purus e Jordão. A data da vacinação será anunciada pelo Ministério da Saúde.

De acordo com Renata Quiles, coordenadora do Programa Nacional de Imunização (PNI) no Acre, o foco é vacinar eficientemente o público-alvo, priorizando os jovens de 10 a 14 anos, que apresentam maior índice de internações por dengue.

“A chegada dessa vacina é um passo significativo para fortalecer nossa defesa contra a dengue. A colaboração entre municípios e regiões de saúde é fundamental para garantir uma distribuição eficaz e abrangente do imunizante”, destacou a coordenadora.

Advertisement

O Ministério da Saúde receberá pouco mais de 6 milhões de doses, sendo 5,2 milhões adquiridas do laboratório Takeda Pharma e 1,3 milhão doadas. O Brasil é o primeiro país do mundo a disponibilizar a vacina contra dengue no sistema público de saúde. No entanto, devido à necessidade de duas aplicações para a imunização completa em um período de três meses, o público vacinado será menor, devido às limitações na capacidade de produção.

“É um passo importante para fortalecer nossa infraestrutura de saúde e, ao mesmo tempo, promover a conscientização sobre a importância da prevenção. Estamos confiantes de que, com essa iniciativa, conseguiremos reduzir significativamente os casos de dengue em nossa região, proporcionando um ambiente mais saudável e seguro para os cidadãos”, ressaltou o secretário de Saúde, Pedro Pascoal.

A vacina a ser utilizada é a Qdenga (TAK-003), que contém vírus vivos atenuados da dengue, induzindo respostas imunológicas contra os quatro sorotipos do vírus. A Anvisa aprovou o registro do imunizante em março de 2023.

O vírus da dengue é transmitido pela picada da fêmea do mosquito Aedes aegypti e possui quatro sorotipos diferentes: DENV-1, DENV-2, DENV-3 e DENV-4. Todos podem causar as diferentes formas da doença.

Advertisement
Continue Reading