Publicidade basa nova

Governo soma mais de R$ 500 milhões em investimentos

Ao lado de parlamentares, secretários de Estado e produtores rurais, Tião Viana fez a entrega dos equipamentos Ao lado de parlamentares, secretários de Estado e produtores rurais, Tião Viana fez a entrega dos equipamentos

O fortalecimento da produção rural é uma das prioridades da gestão do governador Tião Viana. De 2011 a 2016, o governo calcula que investiu mais de R$ 500 milhões no setor. Nesta quinta-feira, 9, o governador e sua equipe apresentaram, em frente ao Palácio Rio Branco, os novos maquinários e implementos agrícolas disponíveis para agricultores realizarem a colheita de milho no Baixo e Alto Acre. O investimento é de R$ 5 milhões.

Do total investido, R$ 2 milhões são originados de emenda parlamentar do deputado federal licenciado e atual secretário de Indústria e Desenvolvimento do Estado, Sibá Machado. Os outros R$ 3 milhões são de recursos próprios do governo. Na ocasião, foram apresentados diversos equipamentos, como colheitadeiras de plataforma, caminhão para descascar café, tratores e outros caminhões e equipamentos.

“Aqui colocamos três milhões para o pequeno, o médio e o grande produtor rural. É o nosso investimento no desenvolvimento inteligente e econômico que vai emancipar e libertar o Acre economicamente. O governo celebra hoje mais de R$ 500 milhões em investimentos no setor agropecuário acreano”, destacou Tião Viana.

O governador destacou, ainda, que a receita do Acre hoje ultrapassa R$ 8 bilhões anuais, um crescimento expressivo comparado aos números que a Fazenda exibia na década de 1990. O crescimento econômico do Acre é resultado de investimentos em políticas públicas que abrangem diversos setores, sobretudo o rural, que vem se destacando.

“Estamos dando um grande salto que colocará o setor produtivo num patamar revolucionário. Aqui temos investimentos para alavancar a produção. O governo organiza o setor e instaura um novo momento na agropecuária. É uma revolução agrícola que respeita o meio ambiente”, destacou Sibá.

O secretário de Agricultura e Pecuária, José Carlos Reis, disse que o governo prevê uma produção recorde de milho para este ano, estimada em 50 mil toneladas. Por meio de edital, a Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária (Seap) está realizando a habilitação de pessoas físicas ou jurídicas para o recebimento dos serviços.

“O maquinário visa auxiliar nas ações de destoca, preparo de solo, plantio, colheita, recuperação de pastagens, manutenção de açudes, acesso às propriedades e transporte de máquinas, o que vai contribuir na reordenação da cadeia produtiva do milho”, explicou o gestor.

Produtores agradecem investimentos

Entre os diversos produtores rurais presentes no ato, Jorge Moura, que possui até 750 hectares de plantação de milho em Capixaba, lembrou ser de um tempo em que o Acre sequer produzia. Hoje ganha progressão no setor agrícola graças às políticas de governo.

“O Acre vive uma nova revolução agrícola que vai nos tornar autossustentáveis em alimentação. É só o que falta para sermos um dos melhores estados do Brasil. Parabéns ao governo e ao setor que está cada vez mais fortalecido”, disse o produtor.

O produtor rural Valdomiro Soster parabenizou ao governo por fazer com que o Acre caminhe para um novo momento na produção: “O governo está de parabéns, pois sempre ansiamos por esses investimentos. Com isso, o milho fica aqui, o dinheiro fica aqui, gera impostos e movimenta a economia. Agrega valor às áreas rurais, pois aduba e calcaria, assim como no Mato Grosso”, afirma o produtor.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo