960x100 basa novo

Coluna do Astério: “Um parafuso frouxo”!

Coluna do Astério:  “Um parafuso frouxo”!

• O advogado criminalista Silvano Santiago está pedindo exame de sanidade mental para seu cliente, o também advogado Manoel Elivaldo Batista de Lima Junior, que aparece com uma arma se dizendo ser de uma facção do crime.
• Desde o início dessa história que eu achei que ele não estava batendo bem da bola.
• “Um parafuso frouxo”!
• É o diagnóstico do Dr. Macunaíma!
• O Tribunal de Justiça se prepara para fechar 2017 depois de um ano bastante produtivo.
• Nossos desembargadores e juízes bateram as metas, apesar de todas as dificuldades impostas.
• Do Ministério Público Estadual pode se dizer a mesma coisa. Um ano de muita atuação, principalmente no combate ao crime organizado.
• O Tribunal de Contas também foi destaque na fiscalização, controle e, mais ainda, na orientação e ajuda aos novos prefeitos e vereadores para que não cometam erros na gestão.
• O governo federal investindo pesado na reforma da previdência.
• O principal argumento agora é o de cortar privilégios.
• “Ah se sesse”, diz o Bilú, feirante da Baixada.
• Esse é o grande problema: o povo não acredita em mais nada, se sente solapado, extorquido, saqueado, traído.
• O senador Marcelo Jucá, manda chuva do PMDB em Brasília, anda prometendo dinheiro para quem deseja ser candidato a deputado federal.
• Consta que teria oferecido dois milhões de reais para um deputado federal do Acre mudar de partido.
• Cadeia nele!
• Chega informação de que não é somente o senador Romero Jucá que anda fazendo investimento em deputado federal para 2018.
• Como bem diz o presidente do PDT, Luís Tchê, “em Brasília analisam o custo benefício de eleger um deputado federal no Acre”.
• É o menor do Brasil, segundo a tabela.
• Já pensou num negócio desses!
• Pelas barbas do profeta!
• Que o ser humano tinha virado mercadoria faz tempo, principalmente com o advento do capitalismo.
• Que alguns políticos estão à venda em Brasília é do tempo da república velha com sede no Rio de Janeiro, antiga capital do Brasil.
• Mas não era tão descarado assim!
• Aliás, a presidente Dilma Rousseff se lascou porque não fez o que o Michel Temer faz.
• “Fi-lo por que qui-lo”. (Jânio Quadros, ex-presidente do Brasil, quando questionado sobre o porquê de ter renunciado ao mandato).
• Alguns presidentes de bairro urrando em busca de candidatos para apoiarem em 2018.
• Isso é que é vontade de trabalhar pelo bairro, pelo povo!
• Vai aprendendo Macunaíma, vai aprendendo!
• Está ficando muito perigoso andar pela Seis de Agosto, no Belo Jardim nem se fala!
• Daniel Zen, Jackson Ramos e Raimundinho da Saúde disputam a paternidade da decisão do governador Tião Viana não demitir os servidores do Pró-Saúde.
• A Procuradoria Geral do Estado (PGR) é a mãe!
• Trânsito aqui pelo Centro engarrafado!
• Coisa de cidade grande!
• Pouca gente sabe, mas o governo Tião Viana (PT) está pagando muitos dos empréstimos feitos por governos anteriores.
• Isso ninguém conta, ninguém fala!
• Coisa do arco da velha.
• Do tempo do Taboquinha, do Tabira, do Porta Aberta, da Cantina Rex e da Cinelândia aqui no Centro.
• Mas tem que pagar!
• Como prometeu o prefeito Marcus Alexandre entregou 60 novas permissões ao serviço de mototáxi.
• Cumpri compromissos à risca é uma das principais características do Marcus Alexandre.
• Ao menos, é o que me dizem por onde passo andando pela cidade.
• Outra característica dele é não deixar ninguém dormir direito nos bairros quando marca uma visita.
• Chega cedo demais.
• Eu e a Marinete Dantas marcamos com ele uma visita ao cemitério Cruz Milagrosa por volta das 6h30.
• Às 5h30 ele estava chamando na porta!
• O senhor sabe a diferença de um preso para um cara casado, me pergunta o Macunaíma.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo