960x100 nova basa

Conselho da Frente Popular do Acre realiza reunião sobre 2018

Conselho da Frente Popular do Acre realiza reunião sobre 2018

O Conselho da Frente Popular do Acre (FPA) se reuniu nesta segunda-feira, 27, com todos os representantes dos partidos políticos que compõem a FPA para um diálogo acerca dos mandatos em vigência, o parlamento, os governos estadual e municipal e o futuro político da FPA. Além disso, discutiram sobre os nomes que estão sendo colocados na chapa majoritária para o governo, como Emylson Farias, Nazareth Araújo, Daniel Zen e Marcus Alexandre.

 O senador Jorge Viana, o governador Tião Viana, a vice-governadora Nazareth Araújo, o prefeito de Rio Branco Marcus Alexandre e o deputado federal, Léo de Brito participaram da que foi a primeira agenda política de 2017 da FPA. Jorge Viana disse que o propósito do encontro foi pensar o futuro do Acre.

 “Diferente da oposição que já está fazendo loteamento daquilo que eles ainda não tem, porque quem decide é o povo, nós estamos com humildade pensando numa maneira de juntarmos todos nós, os propósitos que temos para o desenvolvimento e a melhoria do Acre, fazendo isso com respeito ao tempo, ao povo acreano e com muita união”, destacou Jorge Viana.

 O presidente do Partido dos Trabalhadores no Acre (PT/AC), Ermício Sena, comentou sobre os nomes que estão sendo colocados para os cargos ao senado pela FPA. “Ney Amorim e Jorge Viana são os nomes indicados para o senado pela Frente Popular. Aqui foi definida uma agenda política onde discutiremos programaticamente essa frente e daremos os encaminhamentos necessários até setembro”, disse.

 Nazareth Araújo mencionou que ficou definida a criação de uma frente executiva para a FPA tratar sobre o processo e discussões da chapa majoritária, o relacionamento com os partidos políticos e o programa que abrange os projetos da FPA para 2018.

 “Enquanto mulher e representante da causa das mulheres, da busca por direitos humanos e da construção que faz o governador Tião Viana e de todo um legado dos outros governos da FPA, me sinto feliz pelo inicio desses debates que ganharão força e aprofundamento junto as regionais e diretórios, que servirão para ouvir o desejo da população acreana”, destacou. 

O deputado estadual, Daniel Zen, também destacou que o momento é de ampliar ainda mais os debates que não estão apenas em torno de nomes. “As pessoas indicadas têm muita capacidade para disputar qualquer pleito, seja proporcional ou majoritário, e podemos ampliar ainda mais outros nomes. Isso vai ser fundamental para fundamentar nosso programa”, afirmou.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo