960x100 basa novo

Mais de 25 pessoas são presas após ataques criminosos na Capital

Mais de 25 pessoas são presas após ataques criminosos na Capital

Após um fim de semana violento em Rio Branco e alguns municípios do interior, o Governo do Estado divulgou nesta segunda-feira (7) o balanço das ações das polícias para combater os atos criminosos do último final de semana. Após os ataques criminosos da noite sábado e madrugada de domingo (6) 29 prisões foram efetuadas em uma rápida ação de resposta a ação dos criminosos. 

Uma força-tarefa ostensiva de combate à criminalidade foi montada e continua nas ruas. A equipe é formada por cerca de 400 homens das polícias Civil, Militar, Corpo de Bombeiros, e também homens do Gabinete Militar do Estado, da Prefeitura de Rio Branco e Exército Brasileiro, que trabalham em apoio às forças do Estado em áreas de sua competência de atuação.

De acordo com Sistema de Segurança Pública do Acre os atos criminosos foram reações às medidas adotadas contra grupos criminosos, em especial, o funcionamento pleno do bloqueador de sinais de telefonia no presídio da capital. 23 líderes criminosos que cumprem pena no Estado já foram colocados no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD)

O Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) esteve nas ruas da noite deste domingo 6, e madrugada de segunda nesta ação mais três pessoas foram presas além de duas motocicletas oriundas de roubos também foram recuperadas O Sisp reforça o pedido aos donos de postos de combustíveis que não vendam gasolina em recipientes impróprios.

Segundo o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), não houve registro de nenhuma ocorrência de incêndio ou homicídio na capital. Em Tarauacá ocorreram dois incêndios e uma tentativa, todas em veículos. Já em Sena Madureira, tentaram contra a sede do Ibama, mas sem maiores danos.

Com os ataques criminosos de sábado, o serviço de transporte coletivo na capital ficou suspenso por algumas horas e só foi retomado as 16h30 de domingo com acompanhamento constante das forças policiais. Foram mais de 100 viaturas atuando nessa madrugada.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo