960x100 basa novo

Adolescente baleado na cabeça dentro de sala de aula morre na capital

Adolescente baleado na cabeça dentro de sala de aula morre na capital

O estudante de 15 anos, que foi baleado na cabeça dentro da sala de aula na última terça-feira (23), morreu. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre). O menino estava dentro da sala de aula, na Escola José Raimundo Hermínio de Melo em Sena Madureira, quando dois homens armados invadiram o local e disparam contra a vítima.

Dione Alves, de 24 anos, foi preso e um menor de 16 apreendido pelo crime. Alves foi transferido para Rio Branco e levado para o Presídio de Segurança Máxima Antônio Amaro. O suspeito vai ficar em uma das celas do Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) do presídio. Já o menor apreendido, ficou em Sena Madureira, onde deve cumprir medida educativa.

Ainda de acordo com a polícia, Alves seria o responsável por atirar no menor. A dupla contou em depoimento que a vítima vinha fazendo ameaças e insultos contra eles.

Segundo a polícia, Alves e o menor apreendido são de uma facção rival à da vítima.

“A pessoa que praticou o crime dizia que a vítima andava perturbando muito, praticando muitos insultos e outros crimes contra eles. Foram lá para se vingar. Um é de uma facção e outro é de outra facção. É claro que isso a gente entende que é um crime covarde porque invadiu um ambiente público. Foi dentro da escola, então, um crime covarde que foi tratado com firmeza e colocado onde tem que ser colocado”, ressaltou Farias ao G1 na época da prisão.

A Sesacre informou ainda que o boletim mais detalhado sobre a morte do adolescente deve ser lançado ainda neste sábado.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo