960x100 nova basa

Conselho Regional de Educação Fisíca alerta a população sobre o TAF

Conselho Regional de Educação Fisíca alerta a população sobre o TAF

O Conselho Regional de Educação Física da 8ª Região – Seccional Acre alerta a população sobre o teste de Aptidão Física dos concursos públicos que lançaram editais há pouco tempo.

De acordo com a entidade os candidatos precisam ficar atentos com charlatões e leigos que se passam por profissionais de Educação Física, oferecendo treinamento personalizado, cobrando valores, algumas vezes, acima do mercado, dizendo ser experiente na área, sem ter o mínimo de conhecimento dos princípios do treinamento esportivo, vez que não tem a formação exigida pela Lei federal 9696/98.

Uma das orientações do órgão é que quando o candidato solicitar os serviços desses cidadãos, exigir a cédula de identidade profissional emitida pelo CREF8 que profissional graduado.

“Minha orientação a esses candidatos é que procurem um profissional habilitado. É importante que a pessoa que deseja se preparar fisicamente para participar desse pleito do concurso, que contrate um Educador Físico, pois ele tem habilitação específica para este tipo de trabalho” orienta o professor de Educação Física Carlos Cavalcante.

De acordo com o professor a pessoa que for lesada por um mal intencionado além de perder dinheiro estará colocando a saúde em risco, trabalhando uma pessoa que não tem o domínio nem conhecimento da área. Lesão muscular e AVC são um dos exemplos do que pode acontecer nas mãos de um profissional mal preparado.

“No mercado, hoje, existem pessoas despreparadas que se dizem preparador físico, inclusive, muitos deles divulgam em jornais, em mídias sociais. Por isso a importância de saber de essa pessoa está filiada ao CREF. Às vezes a pessoa malha há algum tempo e se diz conhecedor. E não é isso! O profissional de Educação Física passa por uma faculdade se preparando para executar um bom trabalho”, alerta o professor.

A seccional pede ainda que todos os profissionais de Educação Física e a população em geral que entre nesta luta contra o exercício ilegal da profissão. Para denunciar estes atos ilegais vá à delegacia, ao Conselho Regional de Educação Física – CREF8 ou ligue 68 32217130 e faça sua denuncia.

O solicitante pode pesquisar se o profissional é registrado por meio do site www.cref8.org.br. Caso o nome não esteja disponível é porque o individuo é habilitado.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo