960x100 basa novo

Senai capacita mais de 100 jovens para o mercado de trabalho

Senai capacita mais de 100 jovens para  o mercado  de trabalho

“Esta não é uma simples formatura. É uma noite de satisfação e comemoração por mais uma conquista”, declarou Felipe Leitão aos mais de 100 colegas que se formavam, juntamente com ele, em um dos cinco cursos básicos de Aprendizagem Industrial realizados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Acre (Senai/AC) – assistente administrativo - Dual; técnico em administração; cabista de sistemas de telecomunicações; confeiteiro e montador e reparador de computadores. 

O evento aconteceu na noite da última sexta-feira, 22, no auditório da Fieac. Não foram poucas as palavras de agradecimento dos representantes de turma à instituição e, em especial, aos instrutores que, segundo os próprios, ensinaram mais do que a grade curricular previa. “Foram verdadeiros mestres e grandes amigos, que nos prepararam para a vida e a lidar com as mais diversas situações, não se limitando apenas ao conhecimento científico”, reconheceu a formanda do curso de assistente administrativo - Dual, Nayra dos Santos, garantindo, ainda, que a metodologia dos instrutores e a modernidade do Senai/AC foram os pontos fortes.

“Todos os jovens presentes nesta cerimônia têm em suas mãos, não um certificado, mas a esperança de concretizar sonhos, conquistas e realizações. Somente com perseverança e dedicação podemos vencer”, disse o presidente da Fieac em exercício, José Luiz Assis Felício.

Orgulho – “É com muito orgulho que percebo que a missão do Senai está sendo cumprida com brilho, desenvolvimento profissional para o mundo do trabalho, além de preparar cidadãos para a construção de um Acre e de um Brasil melhor”, falou o diretor do Senai/AC, César Dotto.

Presente também na cerimônia, o delegado regional do trabalho, Taumaturgo Neto, disse estar feliz em participar da formatura de mais de 100 jovens. “Acredito muito no Senai e nos serviços que são prestados por esta instituição, que é conhecida por todos pela excelência. Agora, vocês não são mais alunos, são profissionais”, comentou.

Os cursos ofertados pelo Senai na modalidade “Aprendizagem Industrial” são gratuitos. Dela, podem participar jovens que tenham entre 14 e 24 anos incompletos, apadrinhados por empresas parceiras, que doam bolsas no valor de um salário mínimo e vale-transporte, a fim de possibilitar a permanência deles em sala de aula. (Assessoria Fieac)

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo