960x100 basa novo

FIEAC propõe criação de comitê para consolidar relações

FIEAC propõe criação de comitê para consolidar relações

Os principais gargalos e entraves para ampliar as relações comerciais do Acre com o Peru foram abordados durante o 1º Encontro de Especialistas sobre Comércio com Mercado Andino, realizado na FIEAC, nesta segunda-feira, 22, com a presença de autoridades, empresários e profissionais ligados ao setor.

Durante o evento, ocorreu também a instalação do Comitê Gestor Estadual do Plano Nacional de Cultura Exportadora (PNCE) no Acre. Trata-se de um programa orientado pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), que tem como meta ampliar o número de empresas que operam no comércio exterior, além de promover o crescimento das exportações de produtos e serviços por parte das empresas acreanas.
No Acre, o PNCE é composto pela FIEAC, governo do Estado (Sedens e Sedcit), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA/AC), Agência de Negócios do Acre (ANAC), Zona de Processamento de Exportações (ZPE), Sebrae, Fecomércio, Federação de Agricultura e Pecuária do Estado do Acre (FAEAC), Federacre, Acisa, Correios, Banco do Brasil, Banco da Amazônia, Caixa Econômica Federal, Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), Receita Federal, Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento, CREA, Setacre.

A abertura do Encontro foi realizada pelo diretor da FIEAC e vice-presidente do Sindicato das Indústrias de Produtos Alimentares do Acre (SINPAL), Adalberto José Moreto. Na ocasião, o empresário destacou que em sua vida no Acre, de 30 anos de Café Contri no mercado, o Peru foi o país que ele mais procurou na intenção de expandir seus negócios. “ É um país muito promissor, parceiro do Acre e tem tudo a somar com a gente. Acreditamos que será de grande valia essa proximidade”, acrescentou.

Na sequência, o cônsul do Peru no Acre, Félix Vasquez, ao agradecer o convite da FIEAC, disse que os peruanos estão contentes em saber das intenções do Estado em estreitar ainda mais as relações com o país andino. “É muito bom saber que a parte norte do Brasil quer fortalecer os negócios com o Peru. Vamos trabalhar para isso”, assegurou.

O assessor de Relações Institucional da FIEAC, Assurbanipal Barbary de Mesquita, fez a apresentação sobre o Comitê Gestor Regional do PNCE no Acre e detalhou aos presentes o papel e o objetivo do Comitê. O evento teve ainda palestras de Rafael Pimpão, administrador e despachante aduaneiro, Victor Hugo, representante do Ministério do Comércio Exterior do Peru, empresário Adem Araújo, presidente da Federacre, além de Paulo Santoyo, representante da Acreaves.

Como encaminhamento, ficou estabelecida a realização de um encontro internacional no município de Assis Brasil, no próximo dia 02 de junho, com empresários e representantes do Peru para visitar as instalações aduaneiras do lado do Brasil e do lado do país vizinho.

 

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo