960x100 basa novo

URAPS terão vacina contra a gripe neste sábado; a meta é alcançar 90% do público

URAPS terão vacina contra a gripe neste sábado; a meta é alcançar 90% do público

Com exceção da Unidade de Referência de Atenção Primária – URAP do São Francisco – que está em obras, as outras quatro URAPS vão funcionar neste sábado (29) até às 13 horas, com prioridade para a vacinação contra a influenza, iniciada em Rio Branco no último dia 17. 

A meta este ano é alcançar 90% do público alvo, que são criança de 6 meses às menores que 5 anos (quatro anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (mulheres que estão no período de até 45 dias após o parto), idosos (a partir de 60 anos), profissionais da saúde, povos indígenas, pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional, além de portadores de doenças crônicas e outras doenças que comprometam a imunidade. A novidade deste ano é que os professores de escolas públicas ou privadas também foram incluídos como público alvo para a vacinação gratuita realizada pelo Sistema Único de Saúde – SUS. A contra indicação é para quem tem alergia severa a ovo.

O secretário Municipal de Saúde de Rio Branco, Oteniel Almeida, alerta aos pais para que levem as crianças – de seis meses a menores de 5 anos, para a vacinação. “As crianças dependem exclusivamente dos pais para serem imunizadas então solicitamos que os pais aproveitem que é sábado e levem as crianças para a vacinação. No ano passado não conseguimos atingir a meta das crianças e este ano queremos alcançar todo esse público alvo”. 

Estão à disposição do público alvo, em todas as 55 unidades de saúde da capital, 80.195 doses da vacina contra a Influenza. A vacina disponível no SUS protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no país: A/H1N1; A/H3N2 e influenza B. Segundo o Ministério da Saúde, 60 milhões de doses de vacinas foram adquiridas, das quais 21,1 milhões de doses já foram distribuídas aos estados.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo