960x100 basa novo

Governo inicia entrega de equipamentos para ex-reeducandos do sistema prisional

Nazareth Araújo esteve na solenidade de entrega dos equipamentos - Foto: Val Fernandes/Secom Nazareth Araújo esteve na solenidade de entrega dos equipamentos - Foto: Val Fernandes/Secom

Em solenidade na Casa Civil na tarde desta terça-feira, 28, o governo do Acre começou a entrega de equipamentos para ex-reeducandos do sistema prisional e seus familiares. Foram 12 famílias contempladas em um projeto que pretende trabalhar a inclusão social de 700 só este ano.

O projeto organizado pela Secretaria de Pequenos Negócios (Sepn), ainda conta com o apoio do Tribunal de Justiça do Acre, por meio do programa Começar de Novo, e do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen). As 11 mulheres e um homem presentes foram beneficiados com um kit de salão de beleza, dotados de cadeira de corte, cadeira lavatório e equipamentos como secador e prancha.

A governadora em exercício Nazareth Araújo esteve presente na solenidade e afirmou que o compromisso do governo do Acre é com as pessoas.

“Estamos dando uma oportunidade de vida para essas pessoas, tanto na qualificação, quanto no material. É uma chance real da ressocialização. É assim que o Acre tem feito o enfrentamento da crise que assola nosso país, dando a oportunidade de as pessoas se desenvolverem por elas mesmas”.

Uma porta que se abre

Criada por Tião Viana ainda em sua primeira gestão, a Secretaria de Pequenos Negócios (SEPN) já beneficiou mais de 23 mil famílias com investimentos que chegam a R$ 33 milhões, com o objetivo de levar a liberdade econômica à população de todas as cidades do Acre.

Ozicléia Mendonça é uma dessas pessoas. Com 44 anos, passou mais de três deles em regime fechado. Uma fase difícil de sua vida onde perdeu até mesmo o marido e não viu o único filho crescer. Reconhecendo as dificuldades que a sociedade tem de empregar ex-reeducandos, ela agradece a oportunidade de ter seu próprio negócio.

“O sentimento hoje é de vitória. Agradeço a Deus, ao governador e a Secretaria de Pequenos Negócios, que dão essa oportunidade de fazer cursos e ganhar kits pra trabalhar. Porque quando a gente sai de um presídio, não tem oportunidade de quase nada. Mas hoje as portas começaram a se abrir, para eu poder trabalhar e exercer uma função dignamente”, relata Ozicléia.

O secretário de Pequenos Negócios, Henry Nogueira, ressalta: “O governador Tião Viana destinou recursos para que possamos beneficiar também essas pessoas egressas do sistema prisional com uma oportunidade de renda e inclusão social”.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo