960x100 basa novo

Galo e Estrelão decidem o returno em rodada tripla

No ‘clássico da paz’, o Galo, de Diego, e o Estrelão, de Lucas, prometem muito futebol/Foto: Manoel Façanha No ‘clássico da paz’, o Galo, de Diego, e o Estrelão, de Lucas, prometem muito futebol/Foto: Manoel Façanha

O clássico de hoje (30), às 19h30, na Arena da Floresta, entre Atlético Acreano e Rio Branco, válido pela última rodada do returno do Campeonato Acreano, pode valer o troféu de campeão da temporada ao Estrelão, isso caso o clube consiga vencer o Galo Carijó. No entanto, uma vitória celeste provocará a realização de finais extras dias 6 e 13 de maio.

Campeão do primeiro turno e dono do melhor ataque da competição, 37 gols em 11 jogos, o invicto Rio Branco entra em campo ciente que poderá por fim a disputa do estadual e, assim, ganham três semanas de ‘pré-temporada’ visando à disputa do Campeonato Brasileiro da Série D. 

Para o confronto decisivo de hoje, o técnico Cristian de Souza poderá ter à disposição o meia Geovane. O atleta retornou aos treinamentos no meio de semana e poderá ser mais uma peça utilizada pelo treinador alvirrubro para ajudar na conquista do returno. Já o meia Ancelmo Holanda segue em recuperação e, caso haja finais extras, deverá reforçar o alvirrubro.

No Galo Carijó, o técnico Álvaro Miguéis terá força máxima. Os jogadores Leandro Jucá, Psika e Joel cumpriram suspensão automática na vitória do meio de semana sobre o Vasco da Gama, assim ganhando condição para o confronto decisivo de hoje contra o Rio Branco. Um empate será suficiente para o time celeste conquistar o returno e provocar finais extras dias 6 e 13 de maio.

Arbitragem

O confronto decisivo entre Galo Carijó e Estrelão, às 19h30, no estádio Arena da Floresta, terá arbitragem do experiente Josimar Almeida. Marcio Cristiano e Israel Sampaio serão os assistentes e Fábio Santos será o quarto árbitro.

Outros dois jogos

A penúltima rodada do returno do Campeonato Acreano começa com o confronto entre Galvez e Humaitá, às 15h30. O confronto terá arbitragem de Dejailton Santos, assistido por Mário Jorge e Verônica do Vale. 

Na sequência, às 17h30, o Plácido de Castro, do artilheiro do estadual, o atacante Marcelo Brás, com nove gols, terá pela gente o Vasco da Gama. O confronto será dirigido pelo árbitro Antonio José. Fábio Nascimento e Carlos Alberto serão os assistentes.

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo