960x100 basa novo

Rio Branco vacila e cede empate para o Galvez

O atacante Tonho Cabañas marcou o gol do empate do Imperador na noite de ontem contra o Rio Branco O atacante Tonho Cabañas marcou o gol do empate do Imperador na noite de ontem contra o Rio Branco

O Rio Branco sentiu o gosto da vitória, assim como da liderança do primeiro turno do Campeonato Acreano, escapar entre os dedos no penúltimo minuto de partida da tarde e noite de ontem (26), no estádio Florestão, contra o Galvez (1 a 1).

Com o empate, o Rio Branco manteve a vice-liderança do primeiro turno do Campeonato Acreano. O alvirrubro soma 11 pontos, um ponto a menos que o líder Atlético Acreano. No entanto, não depende mais somente das suas forças para levar o título do primeiro turno. Por outro lado, o ponto conquista contra o Estrelão motivo o Galvez para a sequência do estado. O time militar é o quarto colocado na tabela com 7 pontos ganhos.

Próximos jogos

O vice-líder Rio Branco ganha folga na tabela de jogo e retorna a campo somente dia 6 de abril para enfrentar o Vasco da Gama. Já o próximo compromisso do Imperador está agendado para o próximo domingo (2), às 18h30, contra o Atlético Acreano. O confronto será no estádio Florestão.

Jogo

O Rio Branco entrou em campo mirando a liderança do primeiro turno do Campeonato Acreano contra um Imperador ferido que estreava na temporada o técnico Zé Marco.
Com as duas equipes errando muito, o primeiro lance de perigo saiu aos 7 minutos, numa conclusão do meia alvirrubro Geovane, mas a bola passou rente a trave do goleiro Máximo.

Refeito do susto, o Galvez quase abriu o placar com o atacante Ferrari, mas a finalização passou perto da trave do goleiro Jean. Cinco minutos depois, Laion apareceu em velocidade pelo lado direito e finalizou com perigo, tirando suspiro da torcida presente ao estádio.

O Galvez era um pouco melhor na partida e quase abriu o placar aos 28 minutos. Rafael ganhou no jogo aéreo e testou com muito perigo. Ufa!
O jogo seguia bem disputado e, num vacilo aéreo da zaga do Imperador, o Rio Branco então chegou ao seu gol, através de Sandro, após assistência de Ancelmo.

Empate

Na etapa complementar, o Galvez começou pressionando o Estrelão. No entanto, o clube militar, com a zaga estrelada bem postada, encontrava muitas dificuldades na hora do arremate ao gol.

Com mais posse de bola e mostrando muita valentia em campo, o Galvez acabou coroado com o empate aos 44 minutos. Ciel cobrou falta pela direita e o oportunista Tonho Cabanãs não perdoou. É fogo, é fogo...

CLASSIFICAÇÃO

1º) Atlético......................12
2º) Rio Branco..................11
3º) Plácido.......................10
4º) Galvez........................07
5º) Vasco.........................06
6º) Humaitá.....................04
7º) Andirá........................01
8º) Alto Acre....................00

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo