960x100 basa novo

Tribunal de Contas do Estado celebra seus 30 anos de serviços prestados ao Acre

Presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Valmir Ribeiro (centro), com ex-deputados da 7ª Legislatura que aprovaram a Emenda Constitucional 17/87 que cria a Corte Presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Valmir Ribeiro (centro), com ex-deputados da 7ª Legislatura que aprovaram a Emenda Constitucional 17/87 que cria a Corte

O Tribunal de Contas do Estado do Acre (TCE/AC) realizou na manhã de ontem (15) em sua sede, uma Sessão Solene em comemoração aos 30 anos de aprovação da Emenda Constitucional nº 17/87, que trata da criação da Corte de Contas.

Na oportunidade, foram homenageados ex-deputados estaduais da 7ª Legislatura 1987/1990, que votaram pela Emenda, com concessão da Comenda do Mérito Excelso e de ex-presidentes do TCE com Menção Honrosa pelos relevantes serviços em prol do Tribunal.

Um dos homenageados foi o pai do governador Tião Viana, o ex-deputado federal Wildy Viana das Neves. Para o governador, o presidente do TCE, Valmir Ribeiro, fez um gesto importante na vida pública fazendo com que voltássemos ao passado para reverenciar a história.

“Meu pai é um símbolo na minha vida, as maiores lições que eu tive de humildade, honra e trabalho. É aquela geração da consideração, que o coração valia mais, que o egoísmo e o individualismo ficava de lado, que havia um sentido de comunidade. Assim foi ele e seus pares daquele tempo, época em que o parlamentar começava sem salário”, disse o governador.

Ainda segundo Tião, foram grandes lições passadas em um tempo que ser um representante público era ser um servidor da comunidade e onde existiram exemplos que marcaram definitivamente a construção do Acre.

Para o governador, a evolução do TCE, durante essas três décadas, foi positiva. “O corpo técnico cresceu, ele [o Tribunal] foi fundado em um ambiente puramente político, era necessário que fosse assim, pois era o primeiro passo de composição. Hoje é um tribunal auxiliar, conselheiro, corretor de erros por parte do controle de contas do Poder Executivo, no que diz respeito ao controle externo e é um órgão que faz seu julgamento com independência”.

O presidente do TCE, iniciou seu discurso com a palavra “gratidão” para definir a sessão solene em comemoração aos 30 anos de  aprovação da Emenda Constitucional 17, de 15 de setembro de 1987.
“Podemos resumir esse ato em uma palavra: gratidão. Essa homenagem é um reconhecimento por tudo que fizeram pelo nosso Estado, criando o Tribunal de Contas. Uma afirmação que eles fazem parte da história e muito contribuíram para que possamos ter um Acre melhor para todos nós”, finalizou o presidente ao lembrar o trabalho dos parlamentares que comporão a 7ª Legislatura.

“O TCE é um parceiro importante da boa administração, no equilíbrio fiscal da gestão pública”, diz Marcus Alexandre

O prefeito Marcus Alexandre participou da sessão solene em comemoração aos 30 anos do Tribunal de Contas do Estado (TCE), realizada no auditório do órgão, na manhã desta sexta-feira, 15. Emoção e gratidão marcaram o ato que homenageou a sétima legislatura da Assembleia Legislativa do Acre (ALEAC), responsável pela aprovação da Emenda Constitucional nº 17/87, que criou o TCE.

Ao longo da solenidade dirigida pelo presidente do TCE, conselheiro Valmir Ribeiro, autoridades como o governador Tião Viana, senadores, deputados, prefeitos, promotores, desembargadores, vereadores e conselheiros felicitaram o órgão pelo resgate de sua história. Todos os ex-deputados estaduais integrantes da 7ª legislatura foram homenageados com a Comenda do Mérito Excelso. Os ex-presidentes da Assembleia Legislativa receberam Menção Honrosa.

“O TCE é um parceiro importante da boa administração, no equilíbrio fiscal da gestão pública, ao orientar gestores, auxiliando e colaborando para boa aplicação dos recursos públicos”, enfatiza o prefeito Marcus Alexandre. Em sua fala, o prefeito felicitou os homenageados e reconheceu a importância da “sábia criação da instituição”.

O presidente do TCE, conselheiro Valmir Ribeiro, reconheceu a importância dos legisladores na criação do Tribunal e agradeceu. “Uma homenagem mais que merecida. Hoje reverenciamos a criação do TCE. Agradecemos os legisladores, aos nossos conselheiros e servidores. Nesses 30 anos, o TCE foi um órgão que auxilia a gestão pública e que assim siga eternamente”.

Recebo essa homenagem com muita honra e emoção, renovando meu respeito e admiração por todos do TCE

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Ney Amorim (PT) destacou o trabalho desenvolvido pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) ao longo desses 30 anos de criação. O parlamentar também enalteceu a gestão de Valmir Ribeiro à frente do Tribunal.

Ney Amorim frisou que em um momento em que o país busca por transparência na administração, o Tribunal atua como um guardião das contas públicas. O presidente do Legislativo acreano também agradeceu a homenagem feita a ele pelos membros que compõe àquela Corte.

“Fui homenageado com uma menção honrosa na sessão solene de comemoração das três décadas de TCE. Muito feliz e honrado em poder prestigiar e, mais do que isso, receber uma homenagem como atual presidente da Assembleia Legislativa do Acre. Meu agradecimento ao amigo conselheiro Valmir Ribeiro, presidente do TCE, pelo carinho e respeito. Recebo essa homenagem com muita honra e emoção, renovando meu respeito e admiração por todos os conselheiros e servidores do TCE, que muito contribuem para o desenvolvimento do nosso Estado”, completa Ney Amorim.

Na oportunidade, o Tribunal de Contas homenageou parlamentares da 7ª Legislatura, responsáveis pela criação da Emenda Constitucional nº 17/87, que cria o Tribunal. (Agência Aleac/José Pinheiro)

Corregedora-geral da Justiça prestigia os 30 anos do Tribunal

A corregedora-geral da Justiça, desembargadora Waldirene Cordeiro prestigiou nesta sexta-feira (15) sessão solene em comemoração aos 30 anos do Tribunal de Contas do Estado (TCE). O órgão tem a missão de orientar e fiscalizar a gestão pública e incentivar a sociedade ao exercício do controle social.

Na ocasião, ocorreram homenagens aos deputados responsáveis pela aprovação da Emenda Constitucional nº 17, de setembro de 1987, que criou o órgão fiscalizador. Os homenageados receberam a Comenda do Mérito Excelso. Foram homenageados ex-deputados estaduais, integrantes da 7ª Legislatura, e ex-presidentes do Poder Legislativo.

A desembargadora, que representou o Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) cumprimentou os homenageados e disse ser um momento histórico a celebração dos 30 anos do TCE e que, o Poder Judiciário, tem observado um órgão de organização quando se refere a orientação e fiscalização. A magistrada também ressaltou sobre a crise financeira no país e a esperança de sobrevivência das instituições no Acre que deverão continuar intactas quando a crise encerrar. (Agência TJAC)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo